Publicado em Resenha

Opinando | Elevador 16 por Rodrigo de Oliveira | Faro Editorial

Olá!

A indicação literária de hoje é um livro de gênero ficção brasileira (ambientado na cidade de São Paulo) e que traz como tema: zumbis!

Comprei esse título por indicação de uma amiga, escritora, a querida Amanda Maia e demorei bastante para ler… Talvez estivesse com medo (risos). Quem nunca?! Mas, eu li em algumas horas (afinal, é um conto e tem sessenta páginas).

Eu imaginei que fosse algo com suspense e uma pegada distópica (risos), porém, no meio de uma jornada corrida na cidade de São Paulo, em plena Avenida Paulista, dezesseis pessoas entram em um elevador, de repente a energia é cortada, o elevador pára, as luzes se apagam, os celulares não funcionam, dez pessoas desmaiam… E o caos começa lentamente a se instalar no grupo…

Foi meu primeiro livro sobre zumbis e posso dizer que fiquei angustiada, ansiosa e com um certo medo! 

A escrita é ritmada, dinâmica e envolvente!

A diagramação está ótima, a revisão perfeita e capa muitíssimo pertinente, a capa interna em vermelho (adorei isso!), a utilização do papel com impressão preta fosca valorizou bastante a obra. Lembrando que é um conto que conta o início da série As Crônicas dos Mortos.


elevador 16

Estamos em 2017.
Cientistas descobrem um planeta vermelho em rota de colisão com a Terra. Depois de muito pânico nos quatro cantos do mundo, eles asseguram que passaria a uma distância segura. E todos ficam tranquilos acreditando que nada iria acontecer…
Mas não podiam estar mais enganados. 
No dia em que o planeta estaria mais visível, enquanto todo mundo se preparava para observar o fenômeno a olho nu, um grupo seguia para um compromisso chato: trabalhar num sábado na empresa de processamento de dados, pois estavam com muitos projetos atrasados.
Na hora do almoço, 16 pessoas entram no elevador… mas ele para entre dois andares. As comunicações não funcionam, nem alarmes, nem celulares, ninguém aparece para ajudar. E eles não sabem que, em todo o mundo, algo muito estranho aconteceu. Em poucos segundos, 10 pessoas caem num surto coletivo, como que desmaiadas. Entre o desespero, tentativas de busca por ajuda, um deles começa a abrir os olhos, mas eram olhos vazios, olhos do mal…
Este livro conta uma história que ocorre no exato momento em que o nosso mundo se transforma. Traz personagens que vivem o intenso evento cósmico que mudaria a Terra para sempre.

Contos

Horror 

Literatura Brasileira

Ano: 2014

Páginas: 60

Idioma: português

Editora: Faro Editorial


 

“O Vale dos Mortos” é a obra de estréia de Rodrigo de Oliveira.

Rodrigo de Oliveira nasceu em 1976 em São Paulo, capital. Reside em São José dos Campos, interior de São Paulo. É casado e tem dois filhos.

Técnico em publicidade e propaganda, cursou Publicidade na Universidade Metodista e é graduado em Gestão de Tecnologia da Informação pela Universidade Paulista. 

Além de escritor também atua como Arquiteto de Sistemas Sênior em São Paulo e é certificado especialista em gerenciamento de projetos pelo Project Management Institute sediado na Filadélfia/Pensilvânia.

Gêneros Terror,Ficção científica | Nascimento: 19/08/1976 | Local: Brasil – São Paulo – São Paulo

A Era dos Mortos
Os Filhos da Tempestade
A ilha dos mortos
A Ilha dos Mortos
Tu Frankenstein III
A Senhora dos Mortos
A Batalha dos Mortos
O Vale dos Mortos
Elevador 16

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


 


 

 

Anúncios

Autor:

Poetisa da vida, Leitora por vontade, Ferroviária por destino, Rabiscadora de Cadernos, Apaixonada por Livros, pelos amigos, pela vida e filosóficamente dramática :) - Jundiaí - SP - Brasil ! #APOIOAUTORESNACIONAIS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s