Publicado em Jornalismo, Mural

Em Debate – Sete provocações (para discordar ou não) sobre o mercado editorial com Carlo Carrenho

Recentemente participei de um webinar  da Casa Educação   com o tema “Sete provocações (para discordar ou não) sobre o mercado editorial, comentado por Carlo Carrenho . Essa palestra online faz parte de um ciclo de nove palestras sobre o mercado editorial. Eu não pude participar de todos, mas adorei esse tema e quis compartilhar um pouquinho com vocês, que assim como eu, adoram temas relacionados com livros ❤

Abaixo coloquei as “provocações” e algumas informações que absorvi 🙂

 

Casa Educação

“As livrarias físicas estão em declínio.”

As livrarias físicas de um modo geral, estão em declínio no formato tradicional a que muitas estão estabelecidas, existindo assim, uma necessidade de reinventar-se para que possam continuar respirando no mercado.

 

“Há coisas mais importantes que o preço fixo.”

Existe um Projeto de Lei no Senado brasileiro, sendo discutido sobre o Preço Fixo de Livros ( leia mais em PUBLISHNEWS ) e segundo o comentarista, outros pontos são mais importantes do que este, como a produtividade, por exemplo. Falando em logística de confecção e distribuição de livros no Brasil.

 

“O livro perde de lavada para outras indústrias culturais.”

A cultura de leitura no país ainda é deixada de lado apesar de algum investimento no setor, que segundo Carlo é bem abaixo de outras indústrias culturais, tendo um faturamento pequeno se comparado à indústria de games, séries (Netflix), chegando a perder faturamento até para bilheteria de cinema.

 

“Digital e áudio são grandes aliados”

A mídia digital para a literatura deve ser vista como uma forma de ‘acesso econômico,  acesso geográfico’ e  abrangência de público (acessibilidade). A versatilidade de e-books e áudio-books é algo que deve ser encarado como ferramenta de acesso, de abrangência e um dado inegável a que se vai chegar. Não que o livro físico deixará de existir, mas há de se agregar valor e acesso a um público visto como uma ‘barreira’ e não um alvo.

 

“Editores vão ter que engolir o modelo de assinaturas.”

Carlo comentou sobre o sistema de assinaturas de livros e mencionou Árvore de livros e  a TAG, como as maiores do mercado nesse nicho.

 

“A Amazon é uma benção para o mercado.”

O sistema da Amazon abordado como pioneiro no mercado brasileiro de e-commerce, a forma como ela trabalha, a agilidade e controle rigoroso com dados e estatísticas de vendas e a nova fase que deve ser lançada até janeiro de 2018, Audible, comercialização de áudio books.

 

“Self-publishing e market-place podem quebrar você.”

Auto publicação e plataformas de vendas que eliminam a intermediação de livrarias e mudam o conceito editorial.


 

Link do Webinar > http://bit.ly/2ycY9gU


 

assinatura

Anúncios

Autor:

Poetisa da vida, Leitora por vontade, Ferroviária por destino, Rabiscadora de Cadernos, Apaixonada por Livros, pelos amigos, pela vida e filosóficamente dramática :) - Jundiaí - SP - Brasil ! #APOIOAUTORESNACIONAIS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s